quarta-feira, 11 de junho de 2008

Mistérios de BH

Se tem coisa que me deixa fora do sério é quando encontro algo que não faço idéia do que seja.

Em BH, há dois mistérios que me perturbam.
O primeiro deles é um espaço que fica na Av do Contorno, 5.628 do lado esquerdo de quem sobe o tobogã, um pouco depois do posto Ale.

Chama a atenção a total falta de identificação do espaço, existe apenas um único "i" e uma enorme e bela figura em sua vitrine de mais de 3 metros de altura.

Já parei no local algumas vezes, mas como sempre está fechada, nada consegui saber: loja, galeria, galpão, fábrica... não sei. Por um tempo o "i" estilizado me sugeriu a loja da imaginarium, aquela cheia de coisas "modernas".

A outra, é um tapume que se estende na Av Nossa Senhora do Carmo, quase em frente a entrada para o Belvedere. As iniciais PVH aparecem discretamente no tapume, que pelo seu comprimento deve ser de um grande empreendimento.

Depois de pesquisar um pouco pela internet (google) encontrei a resposta para os dois... mas antes de contar a solução do mistério, deixo aos visitantes a tarefa de contarem o que acham.

4 comentários:

Paula Basques disse...

o da contorno é uma loja que vende luminárias! Super legal por sinal. Adquiri as minhas lá! Já esse da BR, tenho que passar por lá e me localizar, depois venho aqui e respondo!

beijocas

Mia Devlin disse...

Como tal itinerário não é o do 20, só me resta aguardar a solução do mistério... hehe
Bjs

Lomyne disse...

acho que você não conhece o Rio, mas se quer saber o que há de mais bizarro no mundo, certamente é o Obelisco de Ipanema...

Aline disse...

Olá
Obrigada pela visita.
Puxa,não faço a menor idéia...
Bem o do contorno a Paula já deu a deixa,mas PVH,tá parecendo aquelas conclusões de exame citopológico!!
Não sabe o que é citopológico?Trabalho de casa:Procura no Google,meu filho!!rs
beijo

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails