terça-feira, 2 de junho de 2009

Tragédia

Mesmo lamentando muito esse desastre aéreo, não pude deixar de notar a diferença no tratamento dado às famílias das vítimas do trágico acidente do voo 447.

A empresa rapidamente disponibilizou médicos, psicólogos, instalações e central de informações para dar apoio e informações aos familiares.

Dói saber que por aqui a coisa é tão diferente.

10 comentários:

MR disse...

Doi.

Ric disse...

Melhor nem pensar muito sobre isso...

Dedinhos Nervosos disse...

Acho que o pouco caso dói tanto quanto a tragédia. Ao menos ele, o pouco caso, pode ser evitado, né? :o(

Maldita Futebol Clube disse...

Cara, essa "ajuda psicológica" e tratamento dado a familiares não trará de volta à vida, os seres humanos vitimados! tragédias acontecem, descasos não(são geradosna conduta humana)! Uma pena a tragédia, fica a solidariedade da família MFC aos parentes dos vitimados.Lamento.

Jou Jou Balangandã disse...

Dói muito mesmo ver o descaso das nossas cias aéreas no tratamento com seus passageiros. Não só em tragédias como essa, mas também em pequenas questões corriqueiras. Tenho algumas ações contra cias aéreas, e sem pretensões, espero, de alguma forma, estar contribuindo para uma mudança nesse quadro.

Wanderley Elian Lima disse...

Poi é meu amigo Evandro, se olharmos a nossa volta vermos diferenças de tratamento a todo instante. Lamentável.
Um forte abraço

Anônimo disse...

È,assim caminha a humanidade...
fosse avião de empresa "de pobre" não teria sala VIP para assistência médica, psicológica e executivo pedindo desculpas... mas, como disse a "Maldita: nada trará ninguém de volta.... e o que iguala todo mundo,no fim da filme, é que todo mundo morre um dia!

Luciana disse...

Lamentável isso...

Blog do Beagle disse...

Meu Caro, pelo que assisti de noticiário pela TV o tratamento aqi no Brasil é diferente daquele divulgado e oferecido na França. Ninguém se iluda, certo? Elza

VAP disse...

Por aqui é igual!
Ou pior...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails